quarta-feira, 27 de abril de 2011

Enade 2011, mais uma babaquice!

Olá cafeinados!!!
Estava rondando pelo site do Globo.com - creio eu que já estão carecas de ver esse link. Fazer o que, tento me manter informada, vide a parte que digo: "TENTO".
ENADE (Exame Nacional de Desempenho de Estudante) que integra o SINAES ( Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior) - um exame que boa parte dos alunos acredita apenas influênciar e beneficiar as instituições de ensino, engana-se colega. Vamos falar sobre isso hoje!

Todos os anos diversos estudantes são "obrigados" a prestar essa prova, mostrar o quanto estão aprendendo em suas faculdades. A obrigação não é com o governo, mas sim consigo mesmo. Os jovens se recusam a fazer o exame exatamente por terem noção, do quão, desprovidos de capacidade são ( explico depois).
Atualmente instituições de ensino superior costumam arrecadar alunos. Sim, ARRECADAR. Não importa se você é inteligente, importa que você tenha dinheiro para manter as mensalidades em dia.
Para iludir o aluno, as instituições de ensino durante o período de avaliação, costumam oferecer cursos preparatórios. 
Os cursos, em sua grande maioria, é praticamente um treinamento; o que fazer, o que não fazer, como responder cada questão e o que vai cair baseado em anos anteriores.
O aluno não é preparado o ano inteiro para ser "inteligente", é preparado para garantir há faculdade o bom nome e previlégios.
O SINAES, diferente do ENADE, é responsável por beneficiar abertura de novos cursos, vagas, parcerias e benefícios concedidos pelo MEC (Ministério da Educação).
Essa é a avaliação que dá credibilidade e confiança perante ao Ministério da Educação. Esse exame é o que aprova e desaprova um curso, é o que dá o que todos procuram "Melhor avaliação do MEC". Instituições com notas excessivamente baixas, costumam perder pontos e receber a "visitinha" do nosso querido inspetor do Ministério da Educação. O que pode gerar, fechamento de cursos, perda de certificados, perda nós números de vagas, multa, e claro diminuição na verba fornecida pelo governo para implantação de benefícios ( como toda parceria, existe um fator motivador, ou você acha que o governo nunca deu dinheiro para sua instituição de ensino privada?).
Ou seja, você é responsável em partes!
Sua responsabilidade é ter conhecimentos básicos, pronome, substantivo, plural, singular e o principal saber que ao invés de marcar no caderno de respostas suas questões com um "X", deve-se preencher o campo por completo, com caneta azul ou preta.
Isso parece tão óbvio e improvável de acontecer...MAS, aconteceu e eu apelidei a querida de "A loira burra da UNIP"( simples, ela era loira, se recusou a preencher os quadrados com caneta azul ou preta, ficou quase 1 hora dentro de uma sala no fim do mundo para ter sua prova anulada e por fim, aluna da UNIP).
Agora eu pergunto a vocês; Preciso explicar da falta de capacidade ou já entenderam?
Não é para se indignar?
Não só com a instituição, mas com o MEC, com os alunos, professores e tudo que rodeia o mundo da educação brasileira.
Ah...simplesmente uma babaquice. Deem ensino, deem cultura, educação, alunos sejam dedicados ou morram na praia e não me encham o saco.

Beijo no coração das loiras cafeinadas! Eu aposto que nenhuma de vocês faria isso - se fizer eu dou na sua cara!
Pri Viotto

Fonte:O g1

2 comentários:

  1. Você anda muito revoltada Pri..rsrsrs

    Juro que vou ligar ao Senhor Crítico e falar para ele te dar um espaço lá, Será o "Fala Pri" hahahaha..

    Beijos

    ResponderExcluir

Opiniões diferentes serão respeitadas, apenas pedimos que sejam expostas com bom senso e respeito. Sente-se e não se esqueça de sua xícara de café. Desabafe conosco!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...