quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Sakineh morrerá hoje! Ajude a divulgar!

Olá, pessoas!  Como estão? Quanto tempo, né... Estive afastada por causa da falta de tempo. E hoje estou aqui por uma causa nobre! Li o texto abaixo no blog da Dama de Cinzas  e estou repassando pq acho ridículo que uma coisa deste tipo ainda ocorra em pleno século XXI.

"DIVULGUEM!!!!!!!!! ABAIXO O TEXTO DIRETO DO JAPÃO, escrito por: (LOLIPOP). SAKINEH MOHAMMADI - ASHTIANI - PARA TODAS AS BLOGUEIRAS E BLOGUEIROS!

Lembram-se da SAKINEH?

Aposto que sim. Vi este rosto em muitos blogues, assinaram-se petições para evitar que esta Iraniana, acusada de adultério, fosse barbaramente condenada á morte por apedrejamento. Aparentemente os carrascos cederam. Falou-se até numa possível libertação. O caso Sakineh deixou de ser lembrado e comentado. Afinal de contas são tantas as causas a que temos que responder, e o Irão fica tão longe...Pensámos que tínhamos ganho uma vitória contra a barbárie. Mas os bárbaros estavam apenas á espera que a opinião pública internacional se cansasse, se calasse.

Depois, calmamente calaram as vozes internas mais preocupantes. O filho e o advogado de Sakineh foram presos a 10 de Outubro. Desde 11 de Agosto que as visitas foram proibidas, e o regime fabricou, na sombra, um novo cenário, anunciando que "de acordo com as evidências existentes, a sua culpa (de Sakineh) foi confirmada". Culpa? Que culpa é essa, que a fez ser punida com 99 chicotadas? Que culpa pode condenar alguém a uma morte cruel, desumana, atroz? Que culpa lhe atribuem para não a apedrejando, ainda assim a enforcar?

Foi contra isso que nos manifestámos, esquecendo que devíamos ter ido até ao fim pressionando, exijindo que a libertassem.

Hoje, fui alertada. Procurei na net. Está aqui, e aqui, em vários sites. Foi dada ordem para a execução de Sakineh, por enforcamento. A data indicada é hoje, 3 de Novembro.

Temos algumas horas para usar os nossos blogues, as nossas vozes, para mostrar que não esquecemos Sakineh, que estamos atentos e que denunciamos não só a barbárie mas também a injustiça.

Sei que posso contar convosco!!!!!!!!!!!"

6 comentários:

  1. Parabéns pelo POST Ka.

    Já Retransmiti o Texto pelo "Palavras Variadas" e agora também pelo Twitter.
    Engraçado como isso ainda não foi Parar nos TT´s do Twitter né? O LInk para a Materia sobre o assunto na Folha de São Paulo: http://tinyurl.com/2at8nch

    BEijos

    ResponderExcluir
  2. Eu sabia que ou vc ou a Pri iria postar o post da Dama de Cinzas. É triste ver que ainda ocorre essas covardias no mundo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Vi essa historia no jornal..Um absurdo! Bju

    ResponderExcluir
  4. Pelo jeito as pressões populares estão dando algum resultado...até agora ela está viva, mesmo que vivendo de ameaças como "enforcamento" ou "apedrejamento". Este tema costumeiramente é visto como absurdo, é claro, já que nossa cultura não vê isso como normal. Mas se pararmos para pensar...tem coisas que são culturais, não estou defendendo o Ahmadinejah, mas também não sei até que ponto é um assunto que dá para julgar. Particularmente acho terrível, culturalmente tbm acho, mas e os iranianos...como será que se posicionam diante disso?E quem são os EUA para julgar o presidente do Irã, se por mtos anos o Bush fez pior com os suspeitos de terrorismo. Até hoje existe injeção letal, pena de morte, corredor da morte e afins nos EUA...mas não vejo a mídia fazer alarde com isso. Acho muito correto que se divulgue o caso da Sakineh, se pudermos evitar o pior neste caso, seria muito interessante para provar mais ainda o poder das redes sociais, já que a defesa dela começou em petições no Avaaz e em divulgações de internautas. Este post cabe mto bem neste momento, deve ser lembrado p/ q a manifestação continue ativa!Parabéns pessoal^^

    ResponderExcluir
  5. É por esse motivo que não me manifestei nos comentários.
    Vi vc disse tudo que eu penso em relação a essas coisas de pena de morte e julgamento.
    Não que eu queira a morte dela, mas é a cultura do povo onde ela vive, não somos ninguém para opinar ali. Mesmo manifestando nossa indignação para o povo dela e tentando mostrar o outro lado da situação, fica dificil aquilo ser o certo para eles.
    Eu dou meu pitaco sim em tudo que tem haver com brasileiro, maconheiro viciado que acha que o Corinthians é a lei, então se ve no direito de sair destroindo um patrimonio que eu e todos os brasileiros construimos.
    É fácil julgar as coisas quando são claras como o exemplo que usei, mas no Ira as coisas são basiadas em culturas e lendas. Aqui no Brasil a única lenda que os Corinthianos conhecem é o Pelé e mesmo assim não foi do seu time!
    Acho que no final disso a única coisa que nos resta é esperar que a cultura do pais de Sakineh mude, pois, nos mesmos não podemos fazer nada.
    E assim como ela milhares de mulheres sofrem por esse motivo e não é levado a mídia. Pq motivo? Não está na hora das pessoas largarem de hipocrisia e tentarem salvar mais vidas do que apenas uma?
    Mas quer apostar quanto que depois de alguns meses ninguém lembrará mais dela?

    Além se lembra do caso BRUNO???
    Bjsss

    ResponderExcluir

Opiniões diferentes serão respeitadas, apenas pedimos que sejam expostas com bom senso e respeito. Sente-se e não se esqueça de sua xícara de café. Desabafe conosco!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...