domingo, 22 de agosto de 2010

Diferenças Individuais


Sabe aquela pessoa com quem você trabalha, que quando te encontra em outro lugar qualquer, que não seja no trabalho, te trata com frieza? Talvez você seja essa pessoa! Provavelmente muitos se referem a esse tipo como ‘tendo um rei na barriga‘, um ‘nariz empinado‘, e outras denominações menos favoráveis. Por outro lado, existem aquelas pessoas que falam com todo mundo, abrem um sorriso e param para conversar onde quer que encontrem um conhecido, e sempre têm um programa de fim de semana para o qual vivem a nos convidar. Algumas pessoas dirão que o primeiro tipo é um tímido ou um antipático e que o segundo tipo é um simpático ou um ‘cara de pau‘! Em parte tais definições estão certas, mas só em parte. Psicologicamente falando, essas duas formas de agir apontam para duas das principais características que definem as diferenças com que os indivíduos se relacionam com o mundo exterior, são elas: a Introversão e a Extroversão.

Introversão e Extroversão são dois conceitos psicológicos relacionados a dois diferentes tipos de personalidade. A princípio podemos dizer que a diferença básica entre esses dois tipos psicológicos se relaciona à maneira pela qual um indivíduo prefere perceber, elaborar e vivenciar as experiências de interação social no dia a dia.

Pode-se dizer que não é muito difícil reconhecer as diferenças entre Introvertidos e Extrovertidos. Por exemplo: Introvertidos constroem relações em ‘profundidade’ e Extrovertidos em ‘extensão’. Como assim? Sabe aquela pessoa que você conhece que tem uma agenda repleta de nomes, conhecidos da academia, do cursinho – e ele ou ela já se graduou há uns dez anos!! – do trabalho, do bar, etc. E mais, chama a todos de amigo? Pois é, esse é um Extrovertido. Mas, sabe aquele sujeito que tem 5 nomes na agenda que contabilizam as relações de uma vida às quais ele definiria como amizade? Pois é, esse é o Introvertido. Não importa se ele se relaciona com uma centena de pessoas no trabalho, ele tem uma agenda separada para os cinco amigos. Basicamente o Extrovertido precisa e prefere a companhia constante de outras pessoas, é assim que ele se sente ‘energizado’, em contato com o mundo externo. Ao passo que o Introvertido tira sua energia do mundo interno. Portanto, excesso de gente a sua volta representa desgaste, tanto físico quanto emocional e cognitivo.

O fato do Introvertido preferir a reflexão, a solidão ou a companhia de poucos não significa que ele é tímido, de forma alguma. Existem Extrovertidos tímidos e Introvertidos que não o são. A diferença básica entre os dois tipos é a preferência por uma ou outra coisa, seja a atividade coletiva ou solitária, e não a facilidade ou a dificuldade em se relacionar.

Alguém é 100% Extrovertido ou Introvertido? Todos temos as duas polaridades, porém desenvolvemos mais um aspecto em detrimento do outro. Isso se dá especialmente porque os traços de Extroversão e Introversão são geneticamente constituídos, predominando um ou outro. Contudo, ao longo do desenvolvimento, a personalidade sofre influências do meio que podem favorecer mais ou menos a expressão de um desses traços. Da mesma forma, uma característica não é melhor que a outra, são diferentes! Mas o problema da diferença torna-se às vezes insuportável por conta de parâmetros culturais.

Em um país como o Brasil, que privilegia a interação social, que tem como lazer atividades essencialmente coletivas como o Futebol, a roda de pagode, a conversa na mesa de bar, etc., a pessoa Introvertida terá um gasto de energia psíquica muito maior do que a Extrovertida. Porque essa pessoa terá que lutar, muito, contra sua tendência ao isolamento, aprendendo a despender grande parte de sua energia em interação social, ao mesmo tempo em que precisará de mais tempo sozinho para repor a energia gasta.

Numa cultura predominantemente Extrovertida, como a nossa, pessoas Introvertidas correm o risco de tentar ‘mascarar’ suas verdadeiras preferências, e com isso minimizar suas potencialidades e talentos tentando adaptá-los a um modelo comportamental socialmente mais valorizado. O contrário também pode ocorrer, é claro!

Quem leva vantagem? Devemos sempre ter em mente que as diferenças individuais são altamente produtivas do ponto de vista da organização social, e cada uma delas possui suas vantagens e desvantagens. Respeitar as suas próprias características e as dos outros é, com certeza, meio caminho andado para que a diferença entre os indivíduos seja experienciada de forma construtiva e não como empecilho para a convivência em grupo.

Fonte: O Mundo dos Sentidos 

E aí, pra qual "lado" a sua personalidade é mais voltada? 

Beijos

8 comentários:

  1. Cheguei a conclusão de que sou introvertido, mesmo em alguns momentos não sendo nem um pouco tímido!

    Muito interessante seu post!

    Abraços...

    ResponderExcluir
  2. Nossa! Amei esse post! Eu sempre soube que sou uma pessoa de pouca gente, que tende a ser solitária, portanto uma introvertida assumida. Mas como ninguém é 100% algo, tenho meus momentos de extroversão e são ótimos, só que a introversão é o que mais me define, sem dúvida.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  3. Menina que post héim! Depois de ler eu compreendo a minha introversão... Nunca tinha lido sobre isso mas agora caiu a ficha sobre algumas atitudes de algumas pessoas e as minhas também.
    Valeuuuu!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Bem, acho que os introvertidos são unanimidade entre os blogueiros. Eu também sou. Tenho uma dificuldade terrível para "conhecer" pessoas, puxar conversa, ser social. Acho que até por isso tenho um blog. Quem tem muitos amigos e consequentemente muitos ouvidos com quem desabafar, não tem necessidade de ter um espaço para pensamentos e desabafos.
    Mas, como mencionado no texto, também tenho características de extrovertida. Com aqueles com quem já tenho uma amizade estabelecida, consigo ser absolutamente "normal". Seja com introvertidos ou extrovertidos. Aliás, sou fã incondicional dos extrovertidos.

    Acho que é isso.

    Até mais,

    ResponderExcluir
  5. Otimo POST Ka.

    Eu fiquei meio confuso se seou Introvertido, ou Extrovertido. Tenho facilidade em construir novas amizades, mais alguns nomes (cerca de 70%) Eu apago da agenda..rsrs

    Acho que só não sou mais Extrovertido, devido a mania de economia. Só pensar que ao sair em 'bando" terei que gastar no MINIMO uns 15,00 em uma Barzinho, eu já fico em casa (Introvertido).

    Mais como diz o seu Post, ninguem é 100% voltado a um dos lados né.. Acho que atualmente ando sendo mais extrovertido..rsrs

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá, pessoas.

    Lady Murphy, eu não tinha parado para pensar por este lado (referente aos blogueiros), mas faz sentido o que vc disse. Além disso, os introvertidos têm mais facilidade para expressão na escrita do que na fala oral.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Ah...eu sei de uma coisa eu não sou completamente uma nem outra. Por ser canceriana e ter variação de humor fica difícil dizer se é introvertido ou extrovertido.
    Eu acredito na hipotese que sou algo indefinido, um ser estranho habitando as profundezas da terra.
    Adorei o post, muito bom.

    Bjs

    ResponderExcluir

Opiniões diferentes serão respeitadas, apenas pedimos que sejam expostas com bom senso e respeito. Sente-se e não se esqueça de sua xícara de café. Desabafe conosco!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...